Avatar

Livre Pelo Perdão – Pr Marcio Valadão (Livros Evangélicos)

clip_image001

 

Amado leitor, eu creio que muitos anseiam por um relacionamento profundo com o Senhor, por intimidade.
Por meio da oração podemos nos aproximar do Pai, podemos nos deleitar, regozijar, alegrar. Porém, muitos não conseguem desfrutar desse momento tão precioso, não conseguem ter um tempo a sós com o Pai.
Às vezes, parece que a oração se transforma em um fardo, em um peso, em algo cansativo, estafante, que procura lhe tirar todo o sentido do que seja a oração.
Quando você ouve falar de pessoas que conseguem orar uma hora, por dia, outras, duas horas, desperta em você o ardente desejo de também orar assim? No seu coração há o desejo de caminhar no sobrenatural, mantendo com o Pai uma íntima vida de oração, desfrutando comunhão com Ele, conhecendo-o inteiramente?
Se a sua resposta é sim, saiba que Jesus nos ensina a orar como ensinou aos discípulos. Vejamos o texto de Mateus 6.9-15:
“Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia dá-nos hoje; e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós temos perdoado aos nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação; mas livra-nos do mal [pois teu é o reino, o poder e a glória para sempre. Amém]!”
Ao ensinar os discípulos a orarem o Pai-nosso, Jesus não queria que seus discípulos se transformassem em meros repetidores dessa oração! Assim como não quer que você também se transforme em mero repetidor.

CNMG LOGO DOWNLOAD

0 comentários: